terça-feira, 10 de julho de 2012

Sim, nós podemos mudar o mundo XI

Hoje, fui fazer umas comprinhas muito rápidas ao Lidl e fiquei a conhecer esta campanha. Sim, eu sei que têm passado anúncios atrás de anúncios na tv, mas não prestei a atenção devida. Só o fiz, hoje, quando o funcionário da caixa perguntou ao senhor que estava à minha frente se queria arredondar. Olhei em frente e vi o cartaz e claro, quando chegou a minha vez, arredondei, um euro. Eu já tive um filho internado na Estefânia e desde o primeiro minuto que entrámos naquele hospital fiquei sensibilizada com toda a equipa que nos acolheu e que com tão pouco consegue fazer tanto. O hospital está velhinho, como todos sabemos, e sem estarmos a contar, muitas vezes vemos os nossos filhos a lá entrar e a ficar uns dias. Aconteceu-me uma vez, espero que não se repita, mas foi o suficiente para não mais esquecer. E no que depender de mim, vou sempre ajudar.
E assim, mesmo com um cêntimo, dois, cinco, um euro ou dois, nós podemos mudar o mundo.

Um comentário:

Sónia Santos disse...

Lindo gesto Amiga!
bjca