quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

Já conhecem a Oxidos Kito? Pois vão adorar conhecer!!!

 
Há coisas, em jornalismo, das quais não abdico: dar a conhecer novos projectos, feitos de coração por quem arriscou tudo e mudou de vida em nome do talento. Acho que só por aqui já conseguimos definir o trabalho da Raquel Fonseca, alguém que depois de ser mãe viu que a vida era rápida demais para adiar sonhos! Foi assim que nasceu a marca de joalharia Oxidos Kito. Mas não é uma marca qualquer, aqui tudo é feito em sintonia com o cliente. As peças não se repetem e só encaixam na perfeição nos dedos, pulsos ou pescoço de quem as encomenda! Já foi há uns bons anos que conheci o talento da Raquel, precisamente nos dedos de uma amiga do coração. Era impossível não dizer "que anéis tão giros". Depois vi as pulseiras, depois apaixonei-me pelos brincos e depois fui acompanhando tudo via facebook. Há dias decidi fazer-lhe uma entrevista, só porque sim, só porque eu gosto e tenho esta mania de querer que todos conheçam o que é bom e bonito! A Raquel disse que sim, no segundo seguinte e eu fiquei feliz!
Espero que gostem!
 
 
Oxidos Kito é um nome peculiar... de onde vem?
O nome kito é uma alcunha. O meu tio , irmão da minha mãe, quando eu nasci começou-me a chamar Kito,em vez de Raquel.Quando tinha um ano e meio o meu tio foi assassinado em Moçambique, e desde ai nunca mais ninguem me chamou kito .Quando começei a estudar artes e tive que assinar os meus trabalhos,voltei a usar o Kito em homenagem a ele.

Como nasceu este projecto?
O projecto Oxidos kito existe há 8 anos,quando engravidei, achei que algo tinho mudado em mim, e que era a altura certa para fazer joias para as mães, com muito amor.
 
Em que se diferencia esta marca de outras de joalharia?
A diferença dos meus trabalhos em relação às outras marcas, é que todas as peças são feitas à mão e personalizadas. O acabamento também é diferente o que torna a prata com um aspecto mais rústico e artesanal. São peças feitas com carinho e o design é sempre meu e diferente.
 
Em que se inspira para criar novas peças?
O que me inspira é o meu filho, o amor, a família, tudo aquilo que amamos de todo o coração.
 
Para além das diferentes peças que faz, anéis, pulseiras, relógios, também dá workshops, certo?
Sim dou workshops. Gosto de ensinar e de desvendar os segredos de que como se faz uma joia. Antigamente os joalheiros eram considerados feiticeiros, da forma como transformavam o metal em joias! Eu gosto um bocadinho de tudo, de comunicar, de ensinar, de conviver, de conhecer pessoas novas...
 
Como funcionam essas aulas e como são feitas as inscrições? Tem algum calendário pré-definido?
As aulas dependem do nivel de formação dos alunos na área. Temos workshops de fundição, escultora de ceras, iniciação à joalharia...
Agendados para já não tenho nenhum workshop, mas a divulgação é feita pelo facebook neste momento, ou para profissionais nas lojas em que compramos material para a nossa área. Geralmente os workshops são feitos quando um grupo de pessoas me contacta e que está interessado. Aí marca-se uma data de acordo com todos.
 
 
Para não perderem pitada deste projecto, façam like na página https://www.facebook.com/oxidos.kito
O problema vai ser conseguir resistir!

 

Um comentário:

Kito disse...

Adorei.Obrigada A