sábado, 23 de fevereiro de 2008

Mayra Andrade em digressão nacional - obrigatório


Costuma-se dizer que o melhor improviso é o que está escrito. Nos concertos de Mayra Andrade não sabemos se está escrito ou não, mas tudo cheira a improviso, a feito no momento, a especial para aquela hora, a liberdade total. Mayra Andrade começou ontem no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra, uma curta mas intensa digressão nacional, com passagem por Setúbal, hoje, Lisboa, domingo, no São Luiz Teatro Municipal, em Coimbra, na próxima sexta-feira, Braga, no sábado e Porto no domingo. Pois eu estive ontem no concerto de Sintra e só posso dizer uma coisa: espectacular. Foi muito bom. Mayra Andrade é bonita, tem música no corpo, parece que tudo lhe é genuíno, sem esforço. Canta, dança e toca de uma forma tão leve, como nós a olhamos, assim mesmo, abismados. Não sabemos se será ou não a vencedora do Prémio BBC na categoria de prémio revelação, para que está nomeada, mas isso será um pormenor, porque definitivamente ela tem um imenso talento, indiscutível. Cada vez mais imponente no universo da World Music, Mayra consegue levar-nos numa mesma música de África ao Brasil. As mornas, coladeiras e funanás, das suas raízes africanas de Cabo Verde, misturam-se com ritmos de samba e até conseguem rasar influências de jazz. Mais, Mayra Andrade ainda consegue presentear os portugueses com uma alma fadista que arrepia quem escuta a sua poderosa voz. Simples e desprovida de grandes adereços, até o palco é sóbrio, Mayra Andrade não tem medo de deixar brilhar os seus músicos, retirando-se até do palco para os deixar criar à vontade. O despique com o baterista José Luis Nascimento foi um dos pontos mais altos do concerto de ontem. A relação com o público também é feita de laços fortes, com a cantora a confidenciar histórias, a pedir que a acompanhem com voz e palmas e também a pedir à produção para acender as luzes e poder olhar nos olhos quem a ouve. Ainda que Lisboa já esteja há muito esgotado, recomendo que não percam um dos outros concertos desta digressão. Notável.

Um comentário:

Tenos disse...

This comment has been removed because it linked to malicious content. Learn more.